quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Instrumentos Presentes nas Estações Meteorológicas Clássicas - Termómetro de temperatura máxima e mínima


Termómetro de temperatura máxima
É um termómetro de mercúrio que tem um estrangulamento do tubo capilar entre o reservatório e o início da escala, permitindo a passagem forçada do mercúrio para o lado da escala quando a temperatura sobe, impedindo o seu regresso natural ao reservatório, quando a temperatura baixa. A coluna de mercúrio no tubo capilar fica retida e a sua extremidade indica a temperatura máxima num determinado período.

Termómetro de temperatura mínima
O termómetro de mínima utilizado é o de álcool tendo no seio do líquido transparente um indicador de vidro opaco e escuro (estilete), com cerca de 1.5 cm de comprimento. Quando a temperatura desce o estilete é arrastado por aderência ao menisco da coluna líquida, devido às forças de tensão superficial; logo que a temperatura começa a subir o estilete fica retido na posição correspondente ao valor mais baixo atingido pelo extremo da coluna, devido ao ligeiro atrito do estilete nas paredes do tubo capilar. Para preparar este termómetro inclina-se, com o respetivo reservatório para cima, até que a extremidade do estilete toque no menisco da coluna líquida, instalando-o de seguida no abrigo horizontalmente.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...