segunda-feira, 8 de junho de 2015

Centro operacional - Estação sísmica


Um centro operacional de uma rede sísmica para efeitos de vigilância tem várias funções a executar, de acordo com critérios pré-definidos:

-assegurar o funcionamento das estações sísmicas;
-assegurar os meios de transmissão da informação sísmica;
-assegurar processos fiáveis de compilação e armazenamento de dados;
-triagem de eventos sísmicos;
-análise de eventos sísmicos;
-envio de informação útil aos serviços de proteção civil e autoridades;
-envio de informação sísmica a centro regionais internacionais de sismologia;
-envio de informação útil aos meios de comunicação social e ao público em geral;
-recolha de informação macrossísmica;
-arquivo de informação sísmica e macrossísmica;
-publicação de boletins sísmicos.

Os centros de vigilância sísmica a nível nacional ou regional são as organismos que dispõem dos meios e da competência necessários à tarefa.

A densidade de estações que dispõem no seu território permite-lhes obter informação sísmica com elevado rigor, o que é algo que as redes internacionais de sismologia não podem contornar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...